Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

(+) Uma maluca que julga ter juízo

Desabafos e bocados do que vou (vi)vendo...

(+) Uma maluca que julga ter juízo

Desabafos e bocados do que vou (vi)vendo...

Reedições

Durante estes dias vou passar para este meu cantinho textos escritos no passado. Apenas alguns,já que a grande maioria foram para parte incerta,sem que até hoje eu perceba muito bem o como ou porquê. Vou mantê-los aqui, todos juntos direitinhos e bonitinhos, já que a página onde estavam antes, não vai ser mais usada!

Só para esclarecer as 2 pessoas que costumam passar por aqui...

Be back latter, que isto de estar na terrinha deixa-me muito pensativa e com vontade de escrever e reler! (ao contrário do que pensei que fosse acontecer).

Fazes-me falta!

Hoje uma nova eliana emerge da cama depois de um coma forçado de várias horas deitada, numa tentativa falhada de rebentar com os miolos com tanto choro! Foi após 3 crises de ansiedade, 500 mil mililitros de lagrimas caídas, 300 km percorridos que resolvi me erguer como tantas outras vezes o fiz! e lembrei-me de ti.. que de todas as minhas amigas es aquela que não tenho por perto para contar que num minuto a vida surpreendeu-me e no seguinte pregou-me maior rasteira. Hoje quis, qual vicio de menina, desabafar contigo o que decorrera comigo nas ultimas horas e que transformara mais uma vez a minha maneira de ver a vida! A necessidade de te dizer "ajuda-me", a vontade de ouvir um "as coisas melhoram" ou qualquer frase feita que a tua boca tem o milagre de lhes retirar o peso de cliché e transforma.las em realidade. Precisava do teu humor, como sempre em inglês, coisa estúpida que sempre fez parte de nós! Precisava dizer-te como ela, logo hoje, conseguiu retirar um sorriso da minha cara, desta vez não um sorriso de maldade, mas pelo contrario, de compaixao (e aqui sim sei que te juntavas a mim a rir desalmadamente de como deus, esse grande sick bastard fez a vida tao irónica). Gostava de te dizer pessoalmente o quanto tenho sentido a tua falta, todos os dias, pois não ter ainda o teu contacto impede-me de te ligar, como antes fazia tantas vezes e como chorei que nem um parva tal foi a supresa/felicidade no natal ao ver a tua mensagem! Por último gostava que aqui estivesses só para pudermos fazer as coisas ridiculas de rapariguinhas, mas que sempre tocou la bem no fundo ao faze-lo ("Eu já..." lembraste como vieram as lagrimas aos olhos:). E com isto, fico rezando baixinho para que sejam poucos os minutos restantes para te voltar a ver(pode ser que leias isto e apanhes o primeiro voo para portugal, o mais rapido possivel). Luv yah.. too much;)

 

 

10 de Janeiro 2010

Oh my fucking god....

Ainda no seguimento deste tipo de post introduzo aqui uma nova música?!? que acabei de descobrir...

A profundidade da letra, a sonoridade espetacular, a variedade de palavras utilizadas, a genialidade na produção do vídeo ... A verdadeira pérola deste verão!

Bora lá desanuviar um bocado e rir, rir muito, porque isto é do mais ridiculo que pode haver!

 

 

 

 

"Pa pa pacote... abana abana o papapa papa pacote"

 

 

Este pessoal é um espetáculo, parece que adivinha quando eu quero e preciso muito de dar uma boa gargalhada...

 

 

Resumos antes do "adieu" de uns dias...

No sábado, depois de estar dois dias de piscina e praia pela zona de albufeira (quando estiver com mais vontade deixo umas fotos) recebo a péssima noticia de que um familiar faleceu.. da minha idade, com alguns problemas psicológicos, mas numa melhoria que dava gosto... Ainda nem acredito bem nesta história...

 

Hoje tive um sonho que me deixou constrangida.. sonhar duas vezes com a mesma pessoa, mesmo com o sono interrompido, e o tema era exactamente o mesmo!!! deixou-me pensativa...

 

No amor dúvidas surgem-me de forma forte. Colocar em causa nesta fase, é demasiado sério... Logo vejo o desfecho disto...

 

E pronto,não me apetece escrever mais nad por uns tempos... a ver se é este verão que passo "a tarde" em local e acompanhada como há poucos anos imagino!

Se há coisa em que ultimamente tenho pensado, é em aproveitar o tempo que nós temos aqui, da melhor maneira que conseguirmos.

 

Vamos lá ver...

Pág. 3/3

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mais visitados

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D