Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

(+) Uma maluca que julga ter juízo

Desabafos e bocados do que vou (vi)vendo...

(+) Uma maluca que julga ter juízo

Desabafos e bocados do que vou (vi)vendo...

O.E. o quê?!

Por várias razões afastei-me dos telejornais, mas como passo a maior parte do dia a ouvir rádio lá vou ouvindo as fresquinhas. E hoje achei particularmente interessante a notícia destacada. Alarmismos à parte, acho fantástico o possível corte orçamental da PJ.
Acho bonito, é para os senhores não andarem a gastar combustível e munições à toa, pois sabemos que forças de segurança pública são um poço sem fundo de esbanjamento de dinheiros públicos. É bem pensado, tal como foram bem pensados os cortes a nível de ensino neste país e da saúde, todos sabemos que um ensino de excelência para todos é uma utopia (e quem quer saber dos meninos pretos e ciganos espertos, eles que vão estudar pra fora daqui) e saúde, pelo amor de deus, os médicos são caros, há que recolher verbas para conseguir pagar a tão nobre profissão e pedir 20€ por uma consulta de urgência é tão pouco.

Então a história do corte nas pensões (inconstitucional, o quê?) mais os cortes salariais da função pública deixa-me com um arrepio na espinha daqueles…

 

Eu não me lembro de nas aulas de direito ter aprendido que o meu voto seria para a constituição de um governo cujo principal intuito é esquecer o cumprimento das suas obrigações, da defesa do interesse geral da sua população em troca de uma imagem externa convincente (que não convence quase ninguém). Uma pessoa cansa-se desta confusão tremenda, de ver constantes asneiras a serem repetidas por um sistema de tal forma vicioso que o único interesse aos que dele fazem parte é retirar o seu lucro pessoal, sem olhar a meios! Estou cansada deste fechar os olhos e estou ainda mais cansada de haver tanto entendido na matéria, tanto menino bonito com anos e anos a especializar-se em coisa nenhuma para ninguém ter uma solução minimamente coerente no meio da dita maioria!

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mais visitados

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D