Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

(+) Uma maluca que julga ter juízo

Desabafos e bocados do que vou (vi)vendo...

(+) Uma maluca que julga ter juízo

Desabafos e bocados do que vou (vi)vendo...

Dia internacional do beijo

E que dia melhor que este para aqui deixar registado esse momento fantástico que foi O MEU 1º BEIJO!

E não é beijos chochos, não, nada disso. Falo de beijos “de quem já é grande” com língua e tudo...  Ah pois é.

Aconteceu com o meu amor de verão, no ido ano de 2000.

Conhecemo-nos numa discoteca (vá, aquilo era um bar) na santa terrinha e nessa noite andávamos (eu e a t.) a conversar com o moço a noite inteira. Já a T. andava nos meles com o moço dela,  que eu e o Dino (sim, era este o nome do rapaz, tadito) ainda só andávamos no flirt. Falámos e falámos e falámos, e não havia maneira de nenhum dos dois fazer nada, dar o primeiro passo.

Foi engraçado que só quando eu estava mesmo a ir embora para casa, que ao vê-lo todo chateado com algo que já nem sei bem o quê, sentado, frente à entrada do bar, a olhar para o chão, não vou a modos, agacho-me frente ao moço e pimba, espeto-lhe um beijo... e devo dizer QUE BEIJO.

Foi mesmo qualquer coisa, até fiquei parva, não sabia que conseguia beijar alguém tão bem, logo à primeira. E pronto, foi assim, passei o resto das férias de verão completamente in love (coisa fácil para quem tem 14 anos), nos passeios gostosos pelo rio, encontros vários, e o desgosto enorme que foi a hora dele ir para a Alemanha. E o dinheiro gasto no telemóvel, para matar as saudades, meu deus. A última vez que soube dele já íamos em Maio do ano seguinte, ligara-me para saber como estava, foi o “closure” que precisava. Mas pronto, foi assim, foi muito bom, passou, como tudo.

Ficou o gosto por um bom beijo!

Eu realmente deveria procurar um especialista...

O que é que me deu pra fazer agora? Agora, que já deveria estar a preparar o dia de trabalho de amanhã, que deveria arrumar a roupa seca que começa a acumular no meu quarto... Nãaaoooo, apetece-me ver Finding Nemo!

Passei o dia todo com o raio da música do filme na cabeça, e deu-me uma vontade louca de o ver. O único senão da coisa é não fazer a mínima ideia de onde está o DVD que oferei ao mano à uns anos atrás! Estou fula, mesmo....

Deixo aqui sta música divinal... Be back latter

 

 

 

 

 

Que bom...

A saudade que eu tinha desta cidade... A vista da serra da estrela, com pontas de neve que já se notam, mesmo a esta distância. O frio gelado, que nos obriga ao quente da lareira, um verdadeiro aconchego. O ar aqui é diferente, a calma que paira.E saber que alguns dos melhores momentos da minha vida passei-os aqui. Que parte do meu crescimento foi enquanto aqui fiquei.

É tudo tão bom, tão familiar, tão perto do coração que dá gosto.

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mais visitados

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D